Início Internacional Matt Hancock culpa “stress” por Boris Johnson o ter chamado de “inútil”

Matt Hancock culpa “stress” por Boris Johnson o ter chamado de “inútil”

Uma semana depois de Dominic Cummings, ex-assessor de Boris Johnson, ter revelado o conteúdo de uma mensagem que trocou com o primeiro-ministro britânico em março do ano passado, na qual Johnson afirmou que o ministro da Saúde, Matt Hancock, era “completamente inútil”, Hancock foi entrevistado no programa BBC Breakfast e abordou a polémica.

O ministro da Saúde do Reino Unido culpou o stress a que Boris Johnson estava sujeito pela afirmação que fez sobre si.

“Bem, honestamente, isso faz parte do passado. O programa de vacinação é um grande sucesso. Em momentos de stress as pessoas dizem todo o tipo de coisas em privado. O que importa é o quão bem trabalhamos juntos”, sublinhou Hancock.

O apresentador do programa, Dan Walker, insistiu no tema e questionou o governante sobre se a revelação da mensagem tinha sido embaraçosa. Matt Hancock optou por não alimentar mais a controvérsia.

“Não, não foi, por causa de todas as coisas que já fizemos juntos. Estamos a falar do sucesso do programa de vacinação. É algo que eu liderei, trabalhando com o primeiro-ministro. Ele tem sido um grande apoiante desde o início”, assinalou.

O ministro da Saúde recusou dizer se já tinha falado com Boris Johnson sobre a mensagem desde que esta foi revelada por Dominic Cummings.